CONSTRUINDO RELAÇÕES ÉTICA E SOLIDÁRIA ENTRE O CAMPO E CIDADE

Minha foto
A Rede Bragantina de Economia Solidária Artes & Sabores é constituída por 15 (quinze) empreendimentos associativos, atuantes em quatros municípios do Território Nordeste Paraense. Essa Rede tem como entidade de apoio e fomento, a Escola de Formação Para Jovens Agricultores de Comunidades Rurais Amazônicas - ECRAMA e o Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará – CEDENPA, que desenvolvem atividades de educação formal profissionalizante, educação não formal e continuada quanto ao Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais. Esta organização trabalha com princípios e práticas da Economia Solidária, tendo como objetivo: DESENVOLVER E FOMENTAR AÇÕES COLETIVAS DE PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E CONSUMO CONSCIENTE, COM HOMENS E MULHERES DO CAMPO E DA CIDADE, VALORIZANDO OS SABERES E A CULTURA DOS POVOS DO BIOMA AMAZÔNICO.

SEGUIDORES

terça-feira, 19 de agosto de 2014

OFICINA DE PRODUÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS DE PERCUSSÃO E MUSICALIDADE



Iniciou hoje, 19 de agosto, a Oficina de Produção de Instrumentos Musicais de Percussão e Musicalidade. Com a participação de 20 jovens e adolescentes dos empreendimentos associativos da Rede Bragantina, e sob a orientação do Zeti Percursionista, que desenvolve instrumentos musicais com base em sua pesquisa, sobre reutilização de material reciclado, como pallet, caixa de pinus embalagem para hortigranjeiros, garrafão plástico de água mineral, pet, lata, etc.
Esta oficina é fruto da parceria e apoio da Fundação Curro Velho, ao trabalho cultural da Rede Bragantina com a juventude e as comunidades tradicionais na região Bragantina. Também compõe o elenco de atividades do projeto Semente Solidária, patrocinado pelo Banco da Amazônia S.A. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

I MODULO CURSO AGROECOLOGIA E CIDADANIA 2019

De 18 a 22 de Março, a escola ECRAMA realizou o primeiro módulo do curso Agroecologia e Cidadania. Na IV edição deste curso, participam ...