CONSTRUINDO RELAÇÕES ÉTICA E SOLIDÁRIA ENTRE O CAMPO E CIDADE

Minha foto
A Rede Bragantina de Economia Solidária Artes & Sabores é constituída por 15 (quinze) empreendimentos associativos, atuantes em quatros municípios do Território Nordeste Paraense. Essa Rede tem como entidade de apoio e fomento, a Escola de Formação Para Jovens Agricultores de Comunidades Rurais Amazônicas - ECRAMA e o Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará – CEDENPA, que desenvolvem atividades de educação formal profissionalizante, educação não formal e continuada quanto ao Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais. Esta organização trabalha com princípios e práticas da Economia Solidária, tendo como objetivo: DESENVOLVER E FOMENTAR AÇÕES COLETIVAS DE PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E CONSUMO CONSCIENTE, COM HOMENS E MULHERES DO CAMPO E DA CIDADE, VALORIZANDO OS SABERES E A CULTURA DOS POVOS DO BIOMA AMAZÔNICO.

SEGUIDORES

CONSTRUINDO NOSSA HISTÓRIA


2000 / 2005
A experiência de comercialização se iniciou com a organização de uma feira da agricultura familiar no município de Santa Luzia do Pará. Esta atividade foi um exercício prático pedagógico com os alunos da Escola Família Agrícola ECRAMA. Com os alunos foi dado início a este trabalho, visando: capacitar jovens para ações de gestão e comercialização, valorizar a produção de sítios e quintais e da venda direta para os consumidores. Durante estes anos, muitas feiras foram interrompidas, decorrente de fatores como: baixo excedente de produtos para o mercado, feirantes de outros municípios, medo de vender pouco, entre outros


2005 / 2007
No ano 2005, um convênio firmado entre o Ministério do Desenvolvimento Agrário – MDA /SAF, e a Obras Sociais Diocese de Bragança, para execução do projeto: Educação de jovens rurais como agentes de desenvolvimento sustentável / agroecologia e transição para agricultura de base ecológica, com agricultores familiares, de comunidades tradicionais, comunidades quilombola e assentamentos de reforma agrária da região Nordeste Paraense, iluminou iniciativas de organização da produção


2006
A capacitação promovida através desse convenio, provocou a retomada a discussão da problemática de comercialização, tendo como diferencial, a perspectiva de venda de produtos orgânicos, bem como, aqueles que resgatavam a cultura e o saber popular, no uso dos recursos dos agroecossistemas da produção familiar para a alimentação e/ou como objeto utilitário doméstico. Naquele momento o diálogo em torno da necessidade de estabelecer estratégias de comercialização da produção era prioridade entre as organizações da agricultura familiar da região bragantina.  Criação da Rede Bragantina de Economia Solidária Artes & Sabores. A percepção, a necessidade e o diálogo entre as associações, as cooperativas e os grupos organizados de agricultores familiares, quilombolas e mulheres do Território Nordeste Paraense / Zona Bragantina, em lutar e trabalhar cooperando entre si, sensibilizou as entidades não governamentais: Escola ECRAMA, CEDENPA e Cáritas Brasileira Regional Norte II. Estas entidades se uniram a esses atores, pois, interpretaram naquele gesto, um avanço no sinal profético das Comunidades Eclesiais de Base – CEBs; que deram surgimento a esses grupos


2006
Com o advento da semana dos produtos orgânicos estabelecido pelo governo federal, algumas organizações da agricultura familiar do estado do Pará, que já produziam produtos orgânicos, deram início a realização de feiras eventos de produtos orgânicos na Praça Batista Campos e na Praça Brasil em Belém/PA. Neste contexto surgiu a Feira de Produtos Orgânicos e a Associação Pará Orgânico, organização que faz a gestão social desta feira

2 comentários:

  1. Gostaria de conhecer melhor as atividades da Rede. Em breve farei uma visita aos pontos fixos de venda. Parabens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezada Ivanize, obrigado pelo contato!
      Aguardamos você em nosso ponto fixo na loja em Belém, ou pode nos encontrar na feira do produtor orgânico, toda quarta e sábado.
      Caso tenha interesse em conhecer nossas atividades realizadas no interior com os grupos, podemos marcar uma visita.
      Nosso e-mail: redebragantinaes@hotmail.com
      Saudações Solidárias

      Excluir

I MODULO CURSO AGROECOLOGIA E CIDADANIA 2019

De 18 a 22 de Março, a escola ECRAMA realizou o primeiro módulo do curso Agroecologia e Cidadania. Na IV edição deste curso, participam ...