CONSTRUINDO RELAÇÕES ÉTICA E SOLIDÁRIA ENTRE O CAMPO E CIDADE

Minha foto
A Rede Bragantina de Economia Solidária Artes & Sabores é constituída por 15 (quinze) empreendimentos associativos, atuantes em quatros municípios do Território Nordeste Paraense. Essa Rede tem como entidade de apoio e fomento, a Escola de Formação Para Jovens Agricultores de Comunidades Rurais Amazônicas - ECRAMA e o Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará – CEDENPA, que desenvolvem atividades de educação formal profissionalizante, educação não formal e continuada quanto ao Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais. Esta organização trabalha com princípios e práticas da Economia Solidária, tendo como objetivo: DESENVOLVER E FOMENTAR AÇÕES COLETIVAS DE PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E CONSUMO CONSCIENTE, COM HOMENS E MULHERES DO CAMPO E DA CIDADE, VALORIZANDO OS SABERES E A CULTURA DOS POVOS DO BIOMA AMAZÔNICO.

SEGUIDORES

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

AGROBIDIVERSIDADE DA REDE BRAGANTINA PARTICIPA DE EXPOSIÇÃO SOBRE ODS NA CAIXA


Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) 5. Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas e 8. Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todas e todos foram debatidos por funcionários da Caixa Econômica Federal - Belém, nesta quarta e quinta feira.


Os produtos da Agrobidiversidade da Rede Bragantina participam da exposição e comercialização que foi montado no hall durante o evento. Momento que foram convidadas outras experiências que estão dedicadas às metas dos #ODS.  E que foi, aproveitado, também como vitrine para demonstrar produção dos empreendimentos econômicos solidários.


O licor de Açaí com seu novo rótulo, em duas versões, que foi lançado na ultima sexta feira fez sucesso entre visitantes e funcionários presentes. 

Além do licor de Açaí outros produtos estavam a disposição como feijão manteiguinha e caupi, farinha de mandioca, mel, composto de mel, multimistura e fitoterápicos.
Essas ações fazem parte
do projeto Produção e Consumo Sustentável: Aliança Campo & Cidade para uma Comercialização Solidário do campo a mesa financiado pelo #FundoCasa, em parceria com o #InstitutoVitóriaRégia e da #RedeAmazônicadosFundosSolidários e executado pela #RedeBragantina.

Mais sobre ODS
Participamos hoje a convite da reunião preparatória  sobre a Audiência Pública da Bacia do Una, que em breve será promovida pela III Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente, Patrimônio Cultural, Habitação e Urbanismo de Belém, vinculada ao Ministério Público do Estado do Pará (MPE).
O objetivo é de debater sobre a reabilitação do conjunto de obras do Projeto de Macrodrenagem da Bacia do Una, a partir da utilização dos novos recursos que serão financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para a Prefeitura Municipal de Belém (PMB), através do Projeto de Macrodrenagem da Bacia da Estrada Nova - PROMABEN II.
Essas ações, que devem atingir 20(vinte) bairros da cidade, estão em consonância com o Objetivo 11. Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis, no sentido de alcançá-los.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

I MODULO CURSO AGROECOLOGIA E CIDADANIA 2019

De 18 a 22 de Março, a escola ECRAMA realizou o primeiro módulo do curso Agroecologia e Cidadania. Na IV edição deste curso, participam ...