CONSTRUINDO RELAÇÕES ÉTICA E SOLIDÁRIA ENTRE O CAMPO E CIDADE

Minha foto
A Rede Bragantina de Economia Solidária Artes & Sabores é constituída por 15 (quinze) empreendimentos associativos, atuantes em quatros municípios do Território Nordeste Paraense. Essa Rede tem como entidade de apoio e fomento, a Escola de Formação Para Jovens Agricultores de Comunidades Rurais Amazônicas - ECRAMA e o Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará – CEDENPA, que desenvolvem atividades de educação formal profissionalizante, educação não formal e continuada quanto ao Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais. Esta organização trabalha com princípios e práticas da Economia Solidária, tendo como objetivo: DESENVOLVER E FOMENTAR AÇÕES COLETIVAS DE PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E CONSUMO CONSCIENTE, COM HOMENS E MULHERES DO CAMPO E DA CIDADE, VALORIZANDO OS SABERES E A CULTURA DOS POVOS DO BIOMA AMAZÔNICO.

SEGUIDORES

segunda-feira, 29 de junho de 2015

PRÊMIO BNDES DE BOAS PRÁTICAS EM ECONOMIA SOLIDÁRIA

Quinze empreendimentos que participam do projeto Rede Brasileira de Comercialização Solidária – Rede ComSol estão entre os 48 empreendimentos econômicos solidários que receberão o Prêmio BNDES de Boas Práticas em Economia Solidária. A entrega será na 11ª Feira Latino Americana de Economia Solidária e 22ª Feira Internacional do Cooperativismo que acontecerão em Santa Maria/RS de 10 a 12 de julho de 2015.
As iniciativas escolhidas são consideradas “boas práticas” de Empreendimentos Econômicos Solidários (EES) e suas Redes. O prêmio é uma ação conjunta do BNDES, da Secretaria Nacional de Economia Solidária do Ministério do Trabalho e Emprego (SENAES/MTE) e do Fórum Brasileiro de Economia Solidária (FBES).
O objetivo da premiação é reconhecer os esforços e ampliar a visibilidade de grupos da Economia Solidária que desenvolvam os princípios da autogestão, solidariedade e cooperação. É a primeira vez que o BNDES oferece o prêmio, iniciativa que fortalecerá o movimento da Economia Solidária e aprofundará o conhecimento sobre o tema no país, melhorando o diálogo, a construção e a implementação de políticas públicas de apoio e investimento aos EES.
Confira a lista dos premiados que participam da Rede ComSol:


§  Cooperativa dos Artesãos de Barra Nova – Marechal Deodoro/AL (loja na Rede ComSol)
§  Associação Nossa Senhora de Loreto – São Luís/MA (Balaio Comercialização na Rede ComSol;
§  Cooperativa da Agricultura Familiar Solidária de Espera Feliz – Coofeliz – Espera Feliz/MG (loja na Rede ComSol)
§  Central dos trabalhadores e trabalhadoras da Economia Solidária – Campo Grande/MT (central na Rede ComSol);
§  Associação de Produtores e Produtoras Artesanais de Chapada – Chapada dos Guimarães/MT (loja Chapada a Mão na Rede ComSol);
§  Círculo de Trabalhadores Cristãos de Gravatá – Art Gravatá – Gravatá/PE (loja na rede ComSol)
§  Cooperativa de Empreendimento Econômico Solidário – Boa Vista/RR (loja da COOFECs na Rede ComSol);
§  Centro Público De Economia Solidária De Itajaí – CEPESI – Itajaí/SC (centro público na Rede ComSol);
§  Associação de Mulheres Feirantes de Taquaruçu – AMFETAQ – Tocantins (loja na Rede ComSol);
§  Cooperativa de Artesãos de Biojoias de Xambioá – Tocantins (loja na Rede ComSol);
§  Rede Bodega – Ceará (4 lojas na Rede ComSol);
§  Rede de Produtoras da Bahia – Bahia (2 lojas na Rede ComSol);
§  Rede de Mulheres Produtoras do Pajeú – Pernambuco (1traller e 1 loja itinerante na Rede ComSol);
§  Rede Bragantina de Economia Solidária Artes e Sabores  – Pará (loja na Rede ComSol);

§  Projeto Esperança/Cooesperança (1 feirão colonial, 1 loja artesanato e 1 loja alimentos orgânicos na Rede ComSol);

Nenhum comentário:

Postar um comentário

I MODULO CURSO AGROECOLOGIA E CIDADANIA 2019

De 18 a 22 de Março, a escola ECRAMA realizou o primeiro módulo do curso Agroecologia e Cidadania. Na IV edição deste curso, participam ...