CONSTRUINDO RELAÇÕES ÉTICA E SOLIDÁRIA ENTRE O CAMPO E CIDADE

Minha foto
A Rede Bragantina de Economia Solidária Artes & Sabores é constituída por 15 (quinze) empreendimentos associativos, atuantes em quatros municípios do Território Nordeste Paraense. Essa Rede tem como entidade de apoio e fomento, a Escola de Formação Para Jovens Agricultores de Comunidades Rurais Amazônicas - ECRAMA e o Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará – CEDENPA, que desenvolvem atividades de educação formal profissionalizante, educação não formal e continuada quanto ao Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais. Esta organização trabalha com princípios e práticas da Economia Solidária, tendo como objetivo: DESENVOLVER E FOMENTAR AÇÕES COLETIVAS DE PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E CONSUMO CONSCIENTE, COM HOMENS E MULHERES DO CAMPO E DA CIDADE, VALORIZANDO OS SABERES E A CULTURA DOS POVOS DO BIOMA AMAZÔNICO.

SEGUIDORES

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

FORMATURA NA ESCOLA DO CAMPO ECRAMA



Nesta terça-feira, 8 de Dezembro, concluíram o percurso formativo de ensino Médio - modalidade de Educação para Jovens e Adultos, com titularidade de Técnico de nível básico em Agroecologia, 16 jovens matriculados na Escola para Jovens Agricultores de Comunidades Rurais Amazônicas - ECRAMA. Familiares, educadores (as), amigos e autoridades, participaram de uma intensa e bonita programação de campo, coordenada pelos jovens concluintes, que vivem e trabalham como agricultores familiares, nas comunidades e assentamentos dos municípios de, Santa Luzia do Pará, Cachoeira do Piriá, Augusto Correia e Mosqueiro.
Com palavras de incentivo aos jovens concluintes, e destacando a importância da Educação do Campo e da Agroecologia, como caminho para a sustentabilidade, a justiça social e perspectivas para a juventude do campo. O secretário de agricultura do município de Augusto Correa, Sr. Zezinho, enfatizou que a partir de janeiro de 2016, 4 jovens estudantes oriundos deste município, irão prestar serviços como bolsistas as comunidades atuando como Agentes de Desenvolvimento de Educação do Campo e Agroecologia. O senhor Mateus, diretor de ensino do município de Bragança, ressaltou e reafirmou a importância da parceria estabelecida entre a ECRAMA e a Secretária de Educação, para criar oportunidades de trabalho e renda para os jovens do campo. Finalmente o Sr. Vincenzino Ghirardi, coordenador da escola, falou sobre as perspectivas de atuação da escola para o ano de 2016. Recomendou aos jovens concluintes, a perseguir seus sonhos de continuidade de seu estudo e o compromisso de cidadãos para valorizar e trabalhar em prol da Agricultura Familiar e construtores do Bem Viver, e da Solidariedade. Aos educadores e parceiros dessa caminhada agradeceu a dedicação, o companheirismo,
A cerimônia finalizou com a Missa em Ação de Graça, celebrada pelo Pe. Manoel Filho, sociólogo e também professor da ECRAMA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

I MODULO CURSO AGROECOLOGIA E CIDADANIA 2019

De 18 a 22 de Março, a escola ECRAMA realizou o primeiro módulo do curso Agroecologia e Cidadania. Na IV edição deste curso, participam ...